United fica mais próximo de Solna




O Manchester United, nesta quinta-feira, foi até a Espanha enfrentar o Celta, no temido estádio Balaídos. O time de José Mourinho carrega consigo, desde o começo da competição, todo o favoritismo, e dentro de campo, vem confirmando. Os Red Devils venceram o time galego por 1 a 0, com um golaço do garoto Marcus Rashford cobrando falta, e agora estão mais perto da final de Solna.

Desde o começo do jogo, o United controlou bem o Celta. O time espanhol gosta de atuar acelerando o jogo pelos lados e marcando pressão após as perdas. Contudo, os Red Devils marcaram bem em um 4-1-4-1 que trancava muito os lados, com Aspas e Sisto tendo poucos espaços pelos lados, sofrendo marcação individual dos dois laterais mancunianos, Valencia e Darmian. A transição ofensiva do United também era boa, saindo logo da defesa para o ataque, sobretudo por conta das vantagens físicas de Pogba e Fellaini, os dois interiores. Com o adversário avançando, o Celta não tinha condições de roubar em zonas avançadas e criar situações de gol. As melhores jogadas eram pela direita, onde Mallo avançava, mas deixava espaços.

Pogba, de maneira surpreendente, levava vantagem quase sempre sobre Radoja. Batendo a pressão, o astro francês conseguia ativar Mkhirtayan e Rashford, que testavam o goleiro Sergio Alvarez, que executou várias defesas complicadas. O estrago só não foi pior por conta do trabalho de Cabral e Roncaglia, os dois zagueiros do Celta. Mesmo expostos, eles brilhavam, e cortavam os perigos. Na segunda etapa, o Celta passou a sair melhor da marcação pressão no meio, mas viu o United abrir o placar, com um golaço de falta de Rashford. Depois de marcar, o time de Mourinho passou a recolher suas linhas. Mourinho passou a jogar no 5-3-2, congestionando muito a área, e assegurando um triunfo, que pode ter sido vital.

As partidas de volta das semifinais da Europa League acontecem na próxima quinta-feira. Somente mais uma visita heroica, poderá manter o sonho europeu do Celta vivo.  Confira abaixo, os melhores momentos:




Imagem: Manchester United
Tecnologia do Blogger.