Em temporada de transição, Shakhtar Donetsk volta a ser campeão ucraniano




A temporada 2016/17 começou com incertezas para o Shakhtar Donetsk. Depois de perder vários jogadores nos últimos anos, o clube também viu o técnico romeno Mircea Lucescu, símbolo do projeto de sucesso, rumar para o Zenit, da Rússia. Em seu lugar, o português Paulo Fonseca assumiu o comando técnico da equipe, em uma idéia, que ao contrário do que muitos imaginavam, deu certo.

O Shakhtar se sagrou campeão ucraniano da temporada 2016-2017 no último Sábado, após vencer o Zorya por 3 a 2 foi suficiente. Foi o 10º título do Shakhtar nos últimos 15 anos, mas vem após duas temporadas de títulos do Dínamo de Kiev. O argentino Facundo Ferreyra, o brasileiro Ismaily e o zagueiro ucraniano Ivan Ordets fizeram os gols do time laranja e preto, que comemorou muito em Kharkiv, já que está exilado por conta dos conflitos em Donetsk. No total, o Shakhtar já abriu 14 pontos de vantagem sobre o Dynamo Kiev, faltando quatro rodadas para o final do ucranianão.


Dentro de campo, os brasileiros mais uma vez foram protagonistas. Ismaily, Bernard, Taison, Fred, Marlos, Dentinho e Alan Patrick tiveram bons papéis, ao lado de figuras como o capitão Srna, o artilheiro argentino Facundo Ferreyra e o promissor Viktor Kovalenko.

Com a conquista, o Shakhtar já está assegurado na fase de grupos da Champions League, enquanto o Dynamo Kiev terá que disputar as fases preliminares. Fica a expectativa por uma melhorar campanha européia, já que na atual temporada, o Shakhtar deu adeus à Champions nas fases preliminares, e após uma boa fase de grupos, caiu na fase de 16-avos-de-final da Europa League, diante do Celta.



Imagens: Shakhtar Donetsk
Tecnologia do Blogger.