Manchester City deixou de ganhar dois pontos contra o Arsenal em Londres

Manchester City deixou de ganhar dois pontos contra o Arsenal em Londres



Manchester City e Arsenal fizeram neste Domingo, mais um duelo da importante 30º rodada da Premier League 2016-2017. O jogo estava cercado de expectativas, dado o momento das duas equipes e da competição. Citizens e Gunners estão no bolo que luta por um lugar na próxima Champions, e neste sentido, o empate em 2 a 2 deste Domingo travou ambos, e foi ótimo para Tottenham, Liverpool e Manchester United.

O estilo de Guardiola ainda não foi encaixado no City. Contra o Arsenal, mais uma vez os Citizens não pareciam um time de Pep. Não tomaram a iniciativa, não pressionaram bem pós perda, e mesmo assim poderiam ter conquistado a vitória no Emirates, dada a fraca atuação dos Gunners, que tiveram todos os seus defeitos expostos.

O Manchester City em duas ocasiões esteve na frente do marcador. Primeiro Sané, aos 5 minutos de jogo, aproveitou bem uma brecha deixada pela saída de Aguero da área, em um dos poucos movimentos criados por Guardiola que foram bem executados em campo. O argentino atraiu a marcação de Mustafi, e o ex-jogador do Schalke 04 colocou o time celeste na frente.

Depois de sofrer o gol, o  Arsenal passou a precisar atacar, mas o fazia de maneira falha, sempre dependendo da individualidade de Alexis Sanchez. Mesmo assim, Theo Walcott empatou 35 minutos depois, após cobrança de escanteio. Agüero voltou a botar os Citizens na frente no segundo tempo, aproveitando uma assistência de Silva, criada após um erro brutal na saída de bola dos Gunners. Mas Mustafi voltou a empatar a partida, em outra falha da defesa do City em um lance de bola parada.

Após sofrer novamente o empate, o Manchester City passou a controlar a posse de bola, especialmente após a entrada de Yaya Touré como regista. Apesar da posse, faltaram as tradicionais jogadas em profundidade e espaço com os pontas, o que fez o jogo terminar com a igualdade em seu marcador.



Imagem: Manchester City
Tecnologia do Blogger.