Lendas da Champions League: George Best, "The Best"

George Best, "The Best"



Poucos jogadores que já pisaram em um campo de futebol eram tão bons quanto George Best foi. Desde pequeno, ele sempre demonstrou um enorme talento com a bola, ainda jogando perto de sua casa, em Belfast. Com 15 anos, foi levado por um olheiro para o Manchester United, e com 17, em 1963, fez sua estréia como profissional.




O grande momento da carreira de George Best foi na grande decisão da Copa dos Campeões de 1968, quando com o Manchester United, bateu o Benfica de Eusébio em Wembley por 4 a 1. Sabendo da qualidade de George Best, ponta-direita veloz e habilidoso,o técnico Otto Glória do Benfica, colocou uma marcação especial nele nesta ocasião. Após um empate no tempo normal, a decisão do título foi para a prorrogação. Charlton marcaria mais uma vez (ele já havia marcado no tempo normal), e com mais um gol de Best e um de Kidd, o Manchester United levantou pela primeira vez a taça de campeão da Europa. Um dos melhores jogadores do time do United, Denis Law não jogou este jogo, mas formava com Best e Charlton, a chamada trindade daquela equipe.

Neste mesmo ano de 1968, George Best venceu a Bola de Ouro, como melhor jogador da Europa. Além dos feitos com o Manchester United, ele ainda jogou em toda sua carreira 37 vezes com a camisa da seleção da Irlanda do Norte, e é até hoje considerado o maior futebolista da história de seu país.


Imagem principal: Youtube.com
Tecnologia do Blogger.