Kai Havertz: a esperança aspirina

Kai Havertz
Imagem: Bayer Leverkusen



É difícil de acreditar, mas Kai Havertz irá perder o duelo de volta das oitavas de final da UEFA Champions League, entre Bayer Leverkusen e Atlético de Madrid, por conta da escola. O jogador não pode viajar com a equipe alemã ao território espanhol por conta de provas importantes que irá realizar. O auge com tão pouca idade tem um custo.

A nova Jóia


A grande notícia de 2017 até aqui para o torcedor aspirina, é a ascensão meteórica de Kai Havertz. Destaque do Europeu Sub-17 em maio de 2016, Kai foi promovido ao time principal do Bayer pelo técnico Roger Schmidt em setembro, fazendo a sua estréia na Bundesliga em outubro. Desde então, Kai Havertz vem ascendendo de uma maneira impressionante, e se fixou como titular da equipe aspirina recentemente. Um alento para o torcedor, já que o time vinha em crise e Hakan Çalhanoglu acabou punido pela FIFA com uma suspensão de quatro meses, por conta de uma punição referente a sua saída do Trabzonspor em 2011. 

Kai Havertz tem tido ótimas atuações, se tornando o grande criador de jogo do Bayer Leverkusen. O natural entrosamento com o centroavante mexicano Javier "Chicharito" Hernández tem trago muitos gols ao time, que tenta se reafirmar na temporada. Neste sentido, dá para dizer que o futuro tem tudo para ser melhor do que o presente para o clube farmacêutico.

Você Sabia? Com 17 anos e 126 dias, Kai Havertz se tornou o jogador mais jovem a atuar pelo Bayer Leverkusen na história da Bundesliga.

A estatística: Apesar de ser frequentador assíduo da parte de cima da tabela, o Bayer Leverkusen nunca conquistou a Bundesliga.
Tecnologia do Blogger.