Últimas notícias

Últimas notícias

Champions League

Liga Europa

História



A França começou a Eurocopa gerando muitas expectativas, mas até aqui, vem sendo frustrante. O time do técnico Deschamps vive de lampejos dos seus craques, não tem produzido muita coisa coletivamente, e passa longe de empolgar. Hoje, contra a Suíça, o selecionado gaulês poupou quatro jogadores titulares (Kanté, Matuidi, Payet e Giroud) e empatou em 0x0, num jogo onde a igualdade agradou os dois lados, que não forçaram muito a barra para saírem com o triunfo.

Parecendo querer calar a boca de quem o questionava, Pogba parecia ser quem mais estava afim de jogo. Ele desferiu dois chutaços de fora da área, que quase geraram gols. Um parou no travessão, outra exigiu excelente defesa de Sommer. Ele também tentou de perto, mas o goleirão suíço não queria deixar o seu gol sair.

Sommer e o travessão, aliás, contribuiram muito para o placar fechado. Primeiro, o arqueiro do Borussia Mönchengladbach parou Griezmann, que fez bela tabela com Gignac, depois o poste segurou um arremate de Payet que entrou no segundo tempo.

Dos jogadores que receberão oportunidades no time francês,dá para destacar que Cabaye foi bem, mas discreto, enquanto Sissoko e Gigcnac se candidataram a um lugar no time titular. O meia participou bem do jogo, tanto na marcação, quanto nas descidas pelo corredor direito, enquanto o centroavante deixou o ataque mais dinâmico do que Giroud, embora não tenha conseguido marcar o seu gol.

Albânia faz história

A Albânia marcou neste domingo o seu primeiro gol, e alcançou o seu primeiro gol na história da Eurocopa. Depois das boas atuações contra a Suíça e a França, onde só tomou gol ou no comecinho do jogo, ou nos minutos finais, teve um prêmio merecido contra a Romênia. A vitória por 1 a 0, com gol de Sadiku, veio na sequência de uma campanha histórica.

A Albânia espera agora a definição dos demais grupos, na esperança de ser um dos quatro melhores terceiros colocados. Vai secar as equipes dos grupos D, E e F. Se formos analisar, os albaneses fizeram mais até aqui para merecer a vaga do que a maioria das seleções que vão terminar em 3° nestas chaves, e era justo que se garantissem nas oitavas, embora seja algo difícil.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Post a Comment


Top