Últimas notícias

Últimas notícias

Champions League

Liga Europa

História






A temporada européia já teve a definição dos campeões nacionais. Mesmo sem terem tido o maior destaque, vários jogadores brasileiros levantaram taça em suas respectivas ligas. Os brazucas campeões vão desde os badalados Neymar e Douglas Costa, até os esquecidos Edson Silva, Danilo Silva e Leandro Salino.


Provavelmente, o melhor jogador brasileiro na temporada européia tenha sido Douglas Costa. Se Neymar foi durante a lesão de Messi o grande destaque do Barcelona ao lado de Suárez, caiu de rendimento na reta final da temporada (últimos três meses), junto com uma boa parte da equipe blaugrana. Douglas fez uma temporada extremamente regular, ajudando o Bayern a ser campeão da Bundesliga mais equilibrada da década.


Se Douglas Costa e Neymar foram as estrelas, o artilheiro foi Jonas. O ex-atacante do Grêmio é o melhor atacante brasileiro depois de Neymar desde 2010, mas não recebe este reconhecimento.Neste Campeonato Português ele marcou incríveis 32 gols em 34 jogos, e ajudou o Benfica a bater o recorde de pontuação da Liga Sagres.


Outro ex-jogador do do Grêmio, o zagueiro Rhodolfo ajudou o Besiktas em boa parte da temporada da retomada do título turco. O defensor acabou se lesionando em fevereiro, e segue fora dos gramados.


Muito criticado pela torcida do Palmeiras, Leandro Pereira,conquistou com  o Club Brugge, o Campeonato belga, seu primeiro título na carreira. Outro que era criticado por aqui, o zagueiro Édson Silva foi campeão da Sérvia com o Estrela Vermelha. Esquecido, o lateral direito Danilo Silva fez parte do elenco do Dínamo de KIev campeão ucraniano, ao lado do atacante Júnior Moraes. Outro atleta pouco lembrado, Leandro Salino ajudou o Olimpiacos a ampliar a sua hegemonia na Grécia.


Os Brasileiro Campeões nacionais na temporada européia:


Bayern de Munique (Alemanha): Douglas Costa e Rafinha
Juventus (Itália): Neto, Rubinho, Alex Sandro e Hernanes
Paris Saint-Germain (França): Maxwell, Lucas Moura, Marquinhos, David Luiz e Thiago Silva
Benfica (Portugal): Jonas, Luisão, Jardel, Ederson e Júlio César 
Olympiacos (Grécia): Leandro Salino e Sebá 
Besiktas (Turquia): Marcelo e Rhodolfo
Club Brugge (Bélgica): Leandro Pereira, Wesley, Claudemir e Felipe Gedoz
Estrela Vermelha (Sérvia): Édson Silva
Dínamo de Kiev (Ucrânia): Danilo Silva e Júnior Moraes

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Post a Comment


Top