Resumo do Final de Semana do Futebol Europeu



O final de semana pré-UEFA Champions League do Futebol Europeu foi recheado de emoções, e é hora de repassar, o que de melhor aconteceu.



No Final, Arsenal vence o Leicester


Com um gol de Danny Welbeck, no finalzinho, o Arsenal bateu o Leicester por 2x1, e uma das finais da Premier League 2015-2016, a mais emocionante dos últimos anos.


O Leicester foi heróico. Saiu na frente com um gol de Vardy, na primeira etapa. Sofreu o empate com Walcott, já no segundo tempo. Na casa do Arsenal, aguentou como pode, com 10 homens por quase todo o segundo tempo, após Danny Simpson ser expulso. Mas no fim, foi castigado pelo destino.



A pressão continua sobre Louis van Gaal no Manchester United

Depois de 26 jogos, os Red Devils fazem a sua pior temporada da história da Premier League. O time foi derrotado neste Sábado pelo Sunderland, fora de casa, por 2x1, e viu as possibilidadea de terminar no G-4 ao final da Premier League, bastante diminuídas.

Os Black Cats abriram o placar logo de cara, com um gol de Wahbi Khazri. O United até reagiu rápido, e chegou ao empate com Martial, ainda na primeira etapa.

Contudo, no segundo tempo, Koné voltou a colocar o Sunderland na frente do marcador, desta vez de maneira definitiva.



Sem chamar muito a atenção, Tottenham faz uma excelente temporada


Com a vitória sobre o Manchester City, o Tottenham soma 12 jogos de invencibilidade, e está perto de superar a sua maior marca histórica, de 16 partidas de invencibilidade, estabelecida  entre 1984 e 1985.

A equipe venceu por 2x1, em um jogo bastante movimentado e emocionante. Os Spurs não se sagram campeões da Inglaterra desde 1961, , e tem agora uma chance ímpar para levantar a taça.

Grande trabalho de Pochettino, que tenta levar a boa fase também para a Copa da Inglaterra e a Liga Europa. Gastando pouco nas duas últimas janelas, o Tottenham tem hoje um time muito jovem e competitivo, mas que dá ao torcedor a esperança de que em 2016, ao menos uma das três taças ainda em jogo possam ser conquistadas.



Bayern vence mais uma, mesmo sem zagueiros



Mesmo com as lesões, o Bayern ainda é uma das equipes mais avassaladoras da Europa. Jogando sem defensores centrais, a equipe bateu o Augsburg no Domingo por 3x1, com dois gols de Lewandowski e um de Thomas Müller. A defesa, jogou sem um zagueiro de origem sequer. Alaba e Kimmich atuaram no setor, e a boa notícia para os torcedores bávaros, é que deram conta do recado.


Show do Barcelona


Deve ser fantástico poder acompanhar o Barcelona e o seu trio MSN a cada Domingo ao vivo no Camp Nou. O torcedor que mora na Catalunha, e tem este privilégio deve se gabar, de estar presenciando ser escrito um capítulo da história. Ontem, os Blaugranas aplicaram mais uma goleada, desta vez sobre o Celta de Vigo, por 6x1.


Messi, como sempre foi genial, inclusive para inovar, dando uma assistência em cobrança de pênalti para o companheiro Luís Suárez. Como é bom ver coisas assim ....


Real de Zidane segue com força total


Com dois gols e uma assistência de Cristiano Ronaldo, o Real Madrid venceu o Athletic Bilbao neste Sábado por 4x2. Os outros gols merengues, foram marcados por James Rodriguez e Toni Kroos.


Liverpool massacrou o Aston Villa


Em pleno Villa Park, o Liverpool fez 6x0 no Aston Viila. Os comandados de Klopp não precisaram suar sangue para abrir o 2x0 ainda na primeira etapa, com tentos de Sturridge e Milner. A goleada foi consolidada no segundo tempo, com gols de Origi, Can, Clyne e Kolo Touré.

Foi a pior derrota do Aston Villa jogando em casa, em toda a história da EPL.


Juventus mostrou que é a senhora da Itália


Com um gol de Zaza no finalzinho da partida, a Juventus venceu o Napoli na "final" do Campeonato Italiano. O italiano, nos poucos minutos que passou em campo, viveu os momentos mais importantes da carreira, fazendo um golaço. Um chute forte, com desvio em Albiol, sem chances para Pep Reina defender, e que fez vir abaixo um lotado Juventus Stadium.



Porto venceu o Benfica, e o Sporting retomou a liderança da Liga NOS


O Porto foi ao Estádio da Luz sabendo que se perdesse, praticamente daria adeus ao título da primeira Liga de Portugal. Os comandados de José Peseiro fizeram do Clássico contra o Benfica uma verdadeira final de campeonato, e contaram com uma atuação exuberante de Iker Casillas para sair com a vitória por 2x1.


O líder da Liga NOS, no entanto, é o Sporting, que fora de casa, goleou o Nacional por 4x0.




Chutar sem acertar, não adianta muita coisa ...

O Everton, com 34 ao gol do West Bromwich Albion quebrou o recorde da Premier League nesta temporada, mas mesmo assim perdeu por 1x0.
Tecnologia do Blogger.