Últimas notícias

Últimas notícias

Champions League

Liga Europa

História



Le Classique: PSG x Olympique Marseille


A grande rivalidade do futebol francês não é tão antiga, e nem entre dois times da mesma cidade ou região, como estamos acostumados a ver. O que nem de longe, significa que ela seja menos intensa, ou que o confronto não pare a França quando acontece. O famoso Le Classique é disputado entre Paris Saint-Germain e Olympique de Marseille dois dos maiores clubes da França, que conta com outras agremiações tradicionais, mas sem as peculiaridades que tornam PSG e OM especiais.




O primeiro Le Clasique foi disputado no dia 12 de dezembro de 1971, pouco depois da fundação do PSG, que se deu em 1970. O Marseille venceu o jogo por 4 a 2. Na época, o OM já era uma equipe mais estabelecida, e o confronto ainda não tinha os tons de rivalidade, que só foram aparecer no começo dos anos de 1990, época onde ambos dominaram o futebol na França, e alcançaram as maiores glórias européias em nível de Clubes da nação.


Em 1993, o Olimpique de Marselha se sagrou campeão da UEFA Champions League, enquanto em 1995-1996, o Paris Saint-Germain conquistou a Recopa européia. O clube da Capital começou uma ascensão impressionante nos anos 80, mas até hoje ainda não conquistou a sonhada orelhuda.







Em 1991, o Canal + comprou o Paris Saint-Germain. O presidente do Marseille na época era Bernard Tapie, e muito dinheiro era injetado no clube. Com isto, as agremiações fizeram uma grande parceria para promover o confronto entre ambos. Inegavelmente, era um grande produto, um enfrentamento entre o Norte, representado pelo PSG, e o Sul, representado pelo Olimpique Marseille. No fim das contas, foi criada uma grande rivalidade entre as torcidas, e a atmosfera da partida serviu para fortalecer as duas marcas.

Em 1993, o mesmo Bernard Tapie, subornou jogadores do Valenciennes, antes de um confronto contra o Marseille, para que eles pegassem leve e não lesionassem nenhum dos seus atletas, que poucos dis depois enfrentariam o Milan, na Final da Champions League. O episódio foi tratado como compra de jogo, e o OM perdeu nos tribunais o título da League 1 daquela temporada, conquistado em campo.


No começo dos anos 2000, os dois clubes perderam forças. Foram tempos de domínio do Lyon, que se tornou heptacampeão da League 1 de maneira consecutiva, entre 2002 e 2007. Foi um período de esvazeamento midiático do Le Clasique. O Marseille passou 15 anos sem ser campeão Nacional, só conquistando a taça novamente na temporada 2009-2010. O PSG só voltou a ser Campeão francês em 2012-2013, já com os investimentos do Catar, e uma constelação de craques.





A diferença de investimentos, é por sinal o que torna o clássico desequilibrado. Por mais que Marcelo Bielsa tenha dado na temporada passada a sensação ao torcedor do Marseille de que era possível bater de frente com o PSG, ela acabou totalmente, de maneira especial após a saída do treinador do Velódromme.


Entre os jogadores notórios do Paris Saint-Germain no Le Clasique, podemos citar nomes como Bernard Lama, Alain Roche, David Ginola, George Weah, Youri Djorkaeff, Ricardo Gomes, Valdo, Raí, Carlos Bianchi, Maurico Pochettino, Jay-Jay Okocha, Ronaldinho Gaúcho, Matuidi, Lugano, Gameiro, Sirigu, Javier Pastore, Angel di Maria, Edinson Cavni e é claro, o maior artilheiro da história do Clube, Zlatan Ibrahimovic. Na história do Olympique Marseille, podemos destacar craques como Papin, Cantona, Abedi Pelé, Robert e Barthz.


«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Post a Comment


Top