Manchester City deve ser o destino de Pep Guardiola em 2016.

Manchester City deve ser o destino de Pep Guardiola em 2016.



Pep Guardiola deve assumir o Manchester City na próxima temporada?

Pep Guardiola estaria perto de ser o novo técnico do Manchester City a partir da próxima temporada. A saída do Bayern de Munique ao final da temporada, deixa isto praticamente claro.

Pep Guardiola não treinaria hoje outra equipe na Alemanha, nenhum clube de lá teria condições de pagar seu salário. É possível também dizer, que nem na Espanha. Seria praticamente inviável que ele trabalhasse em Real ou Atlético de Madrid pelo seu estilo e posicionamento político, e o Barcelona não demitiria Luis Enrique após o mesmo ter ganho praticamente tudo que poderia até aqui.

Na Itália, possivelmente o dinheiro até nem fosse o problema para algumas equipes, mas o estilo de Pep não encaixa com o do Calcio. Fora das quatro grandes Ligas, só o Paris Saint-Germain poderia contratar Guardiola, mas os parisienses devem renovar com Blanc. Logo, a Inglaterra e a sua milionária Premier Leagues, são os destinos mais prováveis.

Guardiola foi especulado no Manchester City, no Chelsea e no Manchester United. Não deve treinar os Blues, pois Roman Abramovich tem em mente que Simeone é o nome ideal para isto. Por eliminação, o seu destino deverá ser Manchester, e o lado azul é o mais provável, por algumas razões. E a principal razão para isto, tem nome e sobrenome: Txiki Begiristain.

Txiki foi diretor de futebol do Barcelona no mandato de Joan Laporta, entre 2003 e 2010, e ao lado de Guardiola montou um dos maiores times de futebol da história. Quando chegou ao Manchester City, iniciou uma nova era no clube. O objetivo Citizen sempre foi ser exemplo de potência do futebol, o que vem sendo o Barcelona nos últimos anos. Levar um pouquinho do Barcelona para o Etihad é um primeiro passo, e levar o homem que melhor simboliza este estilo de jogo Culé, é acabar de consumar o processo.

Parece óbvio, muito óbvio, que Guardiola treinará o Manchester City na temporada 2015-2016. Só não é mais óbvio, porque Guardiola é um homem surpreendente ...

Tecnologia do Blogger.