Confira um resumo do que aconteceu nesta Quarta na Champions League


Tivemos uma quarta-feira de Champions League com muitos gols contra, Cristiano Ronaldo quebrando recorde, o Benfica surpreendendo o Atlético no Calderón e o Manchester City vencendo pela primeira vez na Alemanha.

Sem mais prolongamentos, vamos ao resumo da quarta de Champions League.


Grupo A

Malmö 0x2 Real Madrid (Cristiano Ronaldo 29’ e 90’)


Mesmo sem Modric e Marcelo, poupados, o Real Madrid não teve lá muitos problemas para vencer o Malmö na Suécia, por 2x0. Cristiano Ronaldo abriu o placar aos 29 minutos, assistido por Isco após um contra-ataque. No finalzinho da partida, o gajo apareceu novamente, e após cruzamento de Lucas Vazquez ampliou.

Ao fazer o primeiro gol hoje, Cristiano chegou ao 500° gol Oficial na carreira. Ao marcar o segundo, ele igualou Raúl como o maior artilheiro da história merengue com 323 gols em 308 jogos.


Shakhtar 0x3 PSG (Aurier 7’, David Luiz 23’ e Srna (contra) 90’)

O PSG venceu com facilidade o Shakhtar Donetsk, na Ucrânia. Aurier abriu o placar aos 7 minutos, aos 23' David Luiz ampliou e no finalzinho da partida, Srna marcou contra, tirando de Ibrahimovic o gol que o colocaria ao lado de Pauleta como maior artilheiro da história do clube parisiense.



Grupo B


CSKA 3x2 PSV (Musa 7’, Doumbia 21’ e 36’; Lestienne 60’ e 68’)



O CSKA Moscou começo On Fire hoje na Rússia, abrindo o placar logo no começo com Musa e ampliando na sequência com um doblete de Doumbia. Na segunda etapa, Lestienne, que faz excelente temporada pelo PSV descontou duas vezes. Mas a reação dos holandeses não foi o suficiente para o empate.


Manchester United 2x1 Wolfsburg (Mata 34’ e Smalling 53’; Caligiuri 4’)

Depois de muito tempo (mais de um ano e meio), o Manchester United voltou a vencer un jogo de UEFA Champions League. Os Red Devils até saíram atrás, já que Caligiuri chegou a abrir o placar para o Wolfsburg. Mas, a virada veio para os donos da casa, muito por causa de Mata, que começa a temporada com força total. Foi  dele o gol de empate e a assistência genial para Smalling consumar a virada.


Grupo C

Atlético Madrid 1x2 Benfica (Correa 23'; Gaitán 36 e Guedes 51')


O Benfica foi ao Vicente Calderón, e com gols de Gaitan e Guedes, venceu o Atlético de Madrid por 2x1, tirando uma invencibilidade de anos dos Colchoneros como locais em jogos de Champions League. Angelito Correa fez o gol dos donos da casa.

Astana 2x2 Galatasaray (Balta (contra) 77’ e Carole (contra) 89’; Kisa 31’ e Eric (contra) 86’)

Em jogo com três gols contra, Astana e Galatasaray empataram em 2x2. Os Turcos abriram o placar com gol de Kisa, mas um gol contra de Balta deixou tudo igual. O goleiro da equipe cazaque, Eric acabou marcando contra também para recolocar na dianteira do marcador, mas Carole, retribuiu a gentileza para igualar novamente o placar, garantindo assim o primeiro ponto de uma equipe do Cazaquistão na história da UCL.




Grupo D

Borussia Mönchengladbach 1x2 Manchester City (Stindl 54’; Christensen (contra) 65’ e Aguero 90’)


Na Alemanha, Stindl atéabriu o marcador para o Borussia Monchengladbach, mas Christensen acabou marcando contra , após um arremate forte de Otamendi, e no final Aguero, cobrando pênalti, garantiu a primeira Vitória do Manchester City nesta UEFA Champions League, e o primeiro triunfo dos Citizens em solo alemão.


Juventus 2x0 Sevilla (Morata 41’ e Zaza 87’)


Com um gol de Morata, de cabeça na primeira etapa, e outro de Zaza, finalizando contra-ataque no fim do jogo, a Juventus bateu o Sevilla por 2x0 em casa chegando ais seis pontos em dois jogos, e espantado um pouco o momento de crise que vive no Campeonato Italiano.



Então foi isto gente. Amanhã tem resumo da Europa League, e no dia 20 de Outubro, a Champions está de volta. Abraços!
Tecnologia do Blogger.