Confira o Resumo da 3° rodada da Champions League



Imagem: Lancepress


Depois de duas semanas de ausência, a Liga dos Campeões voltou com força total nesta semana, com a terceira rodada da fase de grupos. Tivemos dois dias recheados de gols, emoções e belas partidas de futebol.

Na terça, o Bayern de Munique foi do céu ao inferno. O clube bávaro estava melhor em campo do que o Arsenal, mas Neuer Neuer foi de herói à vilão e entregou a Vitória aos Gunners. Já o Bayer Leverkusen protagonizou um jogão de oito tentos contra a Roma na Alemanha, naquele que foi provavelmente o melhor jogo da competição até aqui. Na quarta, Paris Saint-Germain e Real Madrid fizeram o jogo mais aguardado da Rodada, e o "grupo da morte" teve mais definições.

Na quarta, Real e PSG protagonizaram o jogo mais aguardado da competição até aqui, mas não sairam do 0x0.

Bem, então vamos a um resumo de tudo o que aconteceu em todos os jogos desta terceira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões 2015/2016. Boa leitura!

Grupo A


PSG 0x0 Real Madrid


No jogo mais aguardado do dia, PSG e Real Madrid empataram em 0x0, em uma partida onde as defesas se fizeram mais fortes do que os ataques. O PSG teve a posse de bola por mais tempo, com o Real apostando nos contragolpes, forçando as jogadas em Cristiano Ronaldo, e criando melhores ocasiões para marcar. Os laterais-direitos foram os destaques individuais: Danilo, foi perfeito na marcação, e Aurier, além de ir bem na defesa, também desceu com eficiência ao apoio.

Malmö 1x0 Shakhtar (Rosenberg 17')

O Malmö, não é um time bobo. Bobo é quem realmente não conhecia o potencial da equipe, que se não tem condições de enfrentar em igualdade Real Madrid e PSG, deu hoje um passo gigante para chegar na Liga Europa, ao bater o Shakhtar Donetsk na Suécia por 1x0. O gol do Malmö foi de Markus Rosenberg, que ainda perdeu um pênalti, desperdiçado por Djurdjic.

Grupo B

Wolfsburg 2x0 PSV Eindhoven (Bas Dost 46' e Kruse 57')

O Wolfsburg derrotou bem o PSV por 2x0. Bas Dost, aos 46' e Max Kruse aos 57' fizeram os gols dos lobos. O PSV perdeu um pênalti nos acréscimos do segundo tempo, com Locadia.

CSKA Moscou 1x1 Manchester United (Doumbia 15'; Martial 65')

CSKA e Manchester United empataram em 1x1 na Rússia. Doumbia marcou, pegando o rebote de um pênalti mal cobrado por Eremenko, que De Gea defendeu. Na segunda etapa, Martial aproveitou bem um cruzamento de Valencia para empatar para os Red Devils.




Grupo C

Atlético Madrid 4x0 Astana (Saúl Ñíguez 23', Jackson Martínez 29', Óliver Torres 63' e Dedechko - contra - 89')

Sem surpresas no Calderón. A Vitória do Atlético já era esperada, e o Astana pouco pode fazer.

Saúl Ñíguez contou com bela assistência de Ferreira-Carrasco para abrir o placar. Jackson Martínez ampliou para os Colchoneros ainda na primeira etapa, enquanto um gol de Óliver Torres e outro contra de Dedechko deram números finais ao jogo na segunda etapa.

Galatasaray 2x1 Benfica (Inan 19' e Podolski 33'; Gaitán 2')

Em Istambul, o Galatasaray bateu, de virada, o Benfica por 2x1. Gaitán abriu o placar para o Benfica logo no segundo minuto, mas Inan aos 19' e e Podolski aos 33' deram a virada ao Gala.

Grupo D: Juventus 0x0 Borussia Mönchengladbach

A Juventus tentou, tentou, mas não conseguiu tirar o 0x0 do placar contra o Borussia Mönchengladbach em casa.


Manchester City 2x1 Sevilla (Rami 36' e De Bruyne 90+1'; Konoplyanka 30')



Manchester City e Sevilla fizeram um jogo bastante disputado e intenso no Etihad Stadium, como aliás tem sido todas as partidas deste Grupo D, o grupo da morte desta edição da Liga dos Campeões.


Konoplyanka chegou a colocar a equipe andaluz na frente, mas Rami marcou contra e empatou para o Manchester City. No finalzinho da partida, já nos acréscimos, Kevin De Bruyne, deu a vitória aos Citizens, a segunda seguida na competição.



Grupo E

BATE 0x2 Barcelona (Rakitic 48' e 64');

Em Belarus, o Barcelona, mesmo sem Messi, derrotou o BATE Borisov por 2x0, com dois gols de Rakitić: o primeiro aos 48' e o segundo, aos 64'. Os dois gols, com duas assistências de Neymar. De ruim para o Barça só a lesão de Sergio Roberto, qur vivia seu melhor momento na equipe principal.

Bayer Leverkusen 4x4 Roma (Chicharito aos 4' e 19', Kampl 84 ´, Mehmedi 86'; De Rossi 29´e 38´, Pjanic 54, Falqué 73')

Loucura total em Leverkusen. O Bayer empatou em 4x4 com a Roma, nesta terça-feira, em jogo válido pelo Grupo E da UCL. Chicharito Hernández abriu o placar para os aspirinas aos quatro minutos, cobrando pênallti, e aos 19' dobrou a vantagem dos donos da casa. Aos 29 minutos de jogo, Daniele De Rossi diminuiu e, aos 38', o mesmo De Rossi empatou.

Na segunda etapa, Miralem Pjanić, aos 54', colocou a equipe da Capital Italiana pela primeira vez em vantagem no marcador. Aos 73', Iago Falqué marcou o quarto gol da Roma, o que parecia garantia de vitória.

Só parecia, no entanto. O Bayer mostrou poder de reação na reta final da partida, e trouxe nova igualdade. Os aspirinas marcaram aos 84', com um golaço de Kevin Kampl e aos 86', com Admir Mehmedi.


Grupo F

Arsenal 2x0 Bayern Munique (Giroud 77' e Özil 90+4')

Já em Londres, o Arsenal ganhou sobrevida ao conquistar a sua primeira vitória nesta, justamente contra o Bayern de Munique, hoje a equipe mais temida da Europa. O clube bávaro até estava melhor em campo do que o Arsenal (Douglas Costa humilhou Bellerín em um lance), mas Neuer foi de herói à vilão e entregou um gol aos Gunners. Primeiro, o arqueiro alemão fez uma defesaça em uma cabeçada de Walcott. Depois, saiu muito mal da sua meta em cobrança de falta e falhou no primeiro gol do Arsenal, marcado por Giroud. No finalzinho da partida, Özil fez mais, e deu números finais à partida: Arsenal 2 x 0 Bayern de Munique.

Dínamo Zagreb 0x1 Olympiakos (Ideye 79')

O Olympiacos, derrotou o Dínamo em Zagreb por 1-0, com gol de Ideye. Os gregos chegaram aos 6 pontos, e dividem a liderança da Chave com o Bayern.


Grupo G

Dínamo Kiev 0x0 Chelsea

Pegando a exigência do adversário e o nível de atuação, o Chelsea teve talvez a melhor apresentação da temporada, acertou duas vezes a trave em arremates de Willian e Hazard, mas não conseguiu marcar, tendo de se contentar com o 0x0 e a terceira colocação da Chave.

Maccabi Tel Avivv 0x2 Porto (Aboubakar 37' e Brahimi aos 39')

O Porto bateu o Maccabi de Tel Aviv por 2x0, com gols de Aboubakar e Brahimi e lidera a Chave G.


Grupo H

Valencia 2x1 Gent (Feghouli 15' e Mitrovic 72' (contra); Foket 40')


O Valencia derrotou o Gent por 2x1. Feghouli abriu o placar para a equipe espanhola. Em um erro de Santi Mina, Foket empatou para os belgas ainda na primeira etapa.



Zenit 3x1 Lyon (Dzyuba 3', Hulk 56' e Danny 82'; Lacazette 49')

Na segunda etapa, um chute de Gayá desviou em Mitrovic, que contra, fez o segundo dos Ches, que assim venceram a partida. O Zenit manteve o 100% de aproveitamento após bater o Lyon, com gols de Artem Dzyuba, Hulk e Danny. Lacazette descontou para os franceses.

Tecnologia do Blogger.