Como está a situação das principais Ligas Nacionais após a data FIFA?

Imagem: Lancepress


Como está a situação das principais Ligas Nacionais após a data FIFA?


Tivemos mais uma data FIFA nos últimos dias, e os campeonatos europeus deram aquela parada tradicional. Que tal então relembrar como está a situação de cada uma das principais Ligas Nacionais do Velho Continente, para não perder nenhum detalhe do retorno neste final de semana?

Espanha:

Barcelona, Real Madrid e Atlético ocupam posições no Top 5 de La Liga. Esta é a única normalidade, porque o líder é o Villareal, que se mantém na ponta mesmo com a derrota para o Levante na última rodada antes da parada. Ainda há mais um "elemento estranho" na ponta: O Celta de Vigo, que liderado por Nolito, até aqui o craque do Campeonato, está hoje na zona de classificação para a próxima Champions League.

Se fossemos levantar um destaque negativo, seriam os começos ruins de Valencia, Sevilla e Athletic Bilbao.

França:

O PSG lidera a Ligue 1, e deverá ser o campeão. A partir daí, tudo é imprevisível. O vice-líder no momento é o Angers, recém ascendido da Ligue 2. O terceiro colocado é o Caen. As decepções, ficam por conta de Lyon, Monaco, Lille, Bordeaux, e especialmente do Olympique Marseille, que após a saída de Marcelo Bielsa, ocupa a modesta 16º colocação no momento.

Alemanha:

Individualmente, Pierre-Emerick Aubameyang é o destaque desta Bundesliga. O gabonês marcou nas Oito primeiras rodadas da Bundesliga. Coletivamente, o grande destaque é o Bayern dr Munique, que em oitp rodadas, já soma 7 pontos maid do que o Bayern o Borussia. O time de Pep Guardiola mantém o 100% De aproveitamento , e encaminha o inédito tetracampeonato. O terceiro colocado é o Schalke 04, o 4° é o Bayer Leverkusen e 5° é o Wolfsburg; Após a mudança no comando técnico, o Borussia Monchengladbach faz uma bela campanha de recuperação, mas o , ao contrário do Augsburg, surpresa positiva da temporada passada que na atual faz apenas 5 pontos em oito rodadas e ocupa a modesta 16ª colocação.

Inglaterra:

Sim, Manchester City, Arsenal e Manchester United ocupam o Top 5 da Premier Leagur, mas a obviedade para por aí. O Crystal Palace e o Leicester se mantém entre os cinco primeiros, mesmo após a 8ª rodada, e especialmente os Foxs decem ser observados com melhores olhos por quem dúvida de sua qualidade, já que é a segunda temporada em que surpreendem. O Chelsea é a grande surpresa negativa. Favorito ao título, o clube faz o seu pior início da história da Premier League, já soma uma distância considerável para o topo da tabela, beira a zona de rebaixamento e precisa começar a vencer logo, caso pretenda chegar ao menos na próxima UEFA Champions League. Também vale ressaltar, que não que alguém estivesse esperando um Newcastle capaz de brigar pelo título, mas ver os Magpies na lanterna, é decepcionante.

Itália:

A Fiorentina de Paulo Sousa é a grande surpresa desta Serie A. A Viola soma 6 vitórias em 7 rodadas, e já goleou a Internazionale, em Milão inclusive. ; A Juventus faz uma campanha de recuperação, e mesmo longe da liderança ainda, conta com o melhor elenco do país, faz boa campanha na atual Champions League e deverá estar na próxima edição. O Milan não começa bem mais uma vez, e a expectativa é por mais uma temporada sem Champions ou Europa League.

Portugal: 

Em Portugal, o Benfica busca manter a sua hegemonia, enquanto o Porto tenta retomar a ponta, com o Sporting, de Jorge de Jesus, correndo por fora, com reais chances de conquista. Mas o grande destaque, sem dúvida alguma, é o pequeno Rio Ave, que no momento ocupa o 3º lugar, e estaria se garantindo na próxima Champions League.

Holanda: 

A Eredivisie volta a ser o Nacional mais disputado da Europa. No momento, os 5 primeiros colocados da tabela estam separados por apenas dois pontos. Ponteiam o campeonato os tradicionais Ajax, Feyenoord e PSV, mas as presenças do Zwolle na luta pelo título, pode ser considerada uma surpresa bem positiva. ; A surpresa negativa é o Twente. No momento, a equipe é apenas a 16° colocada da Eredvisie.


Rússia:

O CSKA começa com força total a temporada. A equipe da capital russa ainda não perdeu na Premier League do país, e tem cinco pontos de vantagem sobre o vice -líder Lokomotiv Moscou. Quanto ao Zenit, potencialmente o maior rival na luta pela taça, já são oito pontos de vantagem.
Tecnologia do Blogger.