Sporting 3x3 Partizan: O primeiro jogo da História da Champions League completa 60 anos




Há 60 anos, nascia a UEFA Champions League. Sporting e Partizan entravam em campo em Oeiras, na cidade de Lisboa. O jogo não pode acontecer no Estádio José Alvalade, pois este não teve sua construção concluída até a data da histórica partida.

As duas equipes entraram na competição como convidadas. O Sporting já não era mais o Sporting dos "Cinco Violinos", liderado poe Peroteyo, que dominou o futebol em Portugal entre a segunda metade dos anos 40 e a primeira parte dos anos 50. Começaria, justamente naquela época em Portugal, o grande esquadrão do Benfica, que liderado por Eusébio, conquistaria a Europa alguns anos depois.  O Partizan, por sua vez, ainda não era o time que chagaria na final dez temporadas mais tardes, e havia terminado o então campeonato da Iugoslávia apenas na quinta colocação.

O Sporting saiu na frente, aos 14 minutos, com João Martins, que se tiornou assim o autor do primeiro gol da história da Champions. Mas na sequência, viu o Partizan empatar e virar com dois gols de Milutinović entre o final do primeiro e o começo do segundo tempo. 

Os leões chegaram ao empate em 2x2 com Quim aos 68, mas cinco minutos depois, Bobek voltou a colocar os balcânicos em vantagem. Por sorte, aos 78, João Martins, o mesmo autor do primeiro gol, voltou a empatar, dando números finais ao jogo.

Se a vitória não veio, ao menos o maior Sporting de todos os tempos tece um crepúsculo bastante digno: fazer a primeira partida da história da Liga dos Campeões, e não sair de campo derrotado.

Na partida de volta, na Servia, o Partizan venceu por 5x2, e avançou de fase. Não seria o primeir campeão da Copa dos Campeões, honra que coube ao grande Real Madrid, de Di Stéfano e Gento. Mas também, entrava para a história.

Em breve começa mais uma Champions League, dando início a uma nova era. A competição que mobiliza um planeta se modificou muito ao redor do tempo, mas guarda o mesmo sentimento que estava presente em Oeiras, 60 anos atrás: a paixão.


Ficha Técnica:

Sporting 3x3 Partizan

Escalações:

Sporting: Carlos Gomes, Manuel Caldeira, João Galaz, Armando Barros, Manuel Passos , Juca, Hugo Sarmento, Manuel Vasques, João Martins, José Travassos, Quim.

Partizan: Slavko Stojanović; Bruno Belin, Čedomir Lazarević, Ranko Borozan, Branko Zebec, Božidar Pajević, Prvoslav Mihajlović, Miloš Milutinović, Marko Valok, Stjepan Bobek, Anton Herceg.

Data: 4 de Abril de 1955

Local: Estádio Nacional, Oeiras, em Lisboa

Gols: Martins 14, 78, Quim 65 (Sporting) ; Milutinović 45, 50, Bobek 73 (Partizan)

Vídeo:

Tecnologia do Blogger.