Guia da Champions League 2015-2016: PSV




Guia da Champions League 2015-2016: PSV



Depois de muito tempo, o PSV retorna a fase de grupos da UEFA Champions League. Se o retorno em si é uma boa notícia, as condições dele, é que não são. O tírulo da Edição passada da Eredivisie foi conquistado com autoridade, mas as duas principais figuras da equipe campeão, Depay e Wijnaldum, já não estam mais no elenco. Menphis, por sinal, foi reforçar um dos rivais do PSV neste grupo B da UCL: O Manchester United.

Wijnaldum e Depay comandavam um ataque avassalador, que criava diversas chances de ataque durante todas as partidas. Se com eles, as condições para competir na Europa já não eram as melhores, basta rever o desempenho do clube em edições recentes da Europa League, sem eles, as condições de avançar de fase ficam ainda menores. Os jogadores contratados para substituí-los, como Maxime Lestienne, Davy Pröpper e Gastón Pereiro, ainda não conseguiram dar nem de perto a qualidade que a equipe precisa.
Depois da saída de seus melhores atletas, o técnico Phillip Cocu foi obrigado a fazer algumas alterações táticas na equipe. A maior delas foi adiantar mais um pouco em campo Adam Maher, colocando-o na posição que era ocupada por Wijnaldum. Com isto, o recém contratado Pröpper está atuando mais  como playmaker, onde deverá disputar posição com Schaars. O outro volante do time é o mexicano Guardado,que definitivamente assume a condição de principal figura do elenco. Lestienne entrou na vaga de Depay, como winger pela esquerda, e  Narsingh segue ocupando o lado direito. No comando de ataque, Luuk de Jong segue com a obrigação de converter as chances criadas em gol.

Com um time tão ofensivo do meio para frente, a preocupação fica quanto a defesa, até porque os laterais, Arias e Willems, costumam apoiar muito durante os jogos. A zaga deve seguir sendo formada por Bruma e MOreno, com Zoet no gol.

A condição de cabeça de chave, adquirida graças ao novo regulamento da UEFA, não assegurou um grupo fácil ao PSV. O Manchester United, com todos os problemas que possui, ainda é o favorito do grupo, o CSKA Moscou disputa a UEFA Champions League quase toda a temporada, sabendo como jogar em bom nível na Europa, e o Wolfsburg, mesmo sem Kevin De Bruyne, ainda é uma equipe muito forte. Dadas as circunstâncias, não dá para descartar de tudo a classificação do PSV, mas de início, ele ainda parece estar em uma condição de quarta força da chave.

Time-Base: Zoet; Arias, Bruma, Isimat-Mirin, Willems; Guardado, Pröpper, Maher; Narsingh, Lestienne e De Jong. Técnico: Philip Cocu.


No Mercado:

Vem:

 Simon Poulsen (AZ Alkmaar)
Nikolai Laursen (Brondby IK)
Luuk Koopmans (FC Oss) 
Maxime Lestienne (Al-Arabi) 
Gastón Pereiro (Nacional); 
Davy Pröpper (Vitesse) 
Albert Gudmundsson (Heerenveen) 
Héctor Moreno (Espanyol)

Vai:

Wijnaldum (Newcastle)
Menphis Depay (Manchester United)


Lista de inscritos na Champions League 2015/2016:




Tecnologia do Blogger.