Guia da Champions League 2015-2016: Genk


O título belga da temporada passada deu a classificação diretamente para a fase de grupos da UEFA Champions League, tornando ainda mais mágico o momento do Genk, que muita gente não sabe, mas foi o clube que revelou Kevin De Bruyne, Thibaut Courtois e Christian Benteke.
O sucesso recente em muito se deve ao trabalho do técnico Peter Maes e é considerado por muitos como um dos melhores treinadores do futebol belga, já tendo feito bons trabalhos anteriormente no Mechelen e no Lokeren

O Genk fez uma boa janela neste meio do ano, não tendo perdas muito expressivas e contratando bons nomes, como Yoni Buyens e Igor De Camargo, que estavam no rival Standard Liège, fora jogadores que vieram de outros países, como Neeskens Kebano, Alejandro Pozuelo, Dewaest e Enes Ünal, fortalecendo uma já existente boa base, com jovens jogadores como Schrijvers e Castagne. 

Com apenas 19 anos, Timothy Castagne é certamente uma das maiores revelações da lateral-direita no futebol europeu nos últimos anos. Repetindo nesta temporada o futebol da época passada, especialmente nesta Champions League, ele tem tudo para assumir e se manter por muitos anos como o titular da lateral-direita da Bélgica e chegar em breve a uma grande Liga da Europa.


Os jogadores mais conhecidos do grande público, no entanto, devem ser Kebano, escanteado no Paris Saint-Germain, mas que após uma grande temporada no Charleroi volta a receber uma grande chance, e o veterano brasileiro naturalizado belga Igor de Camargo, que já jogou no Borussia Mönchengladbach na Alemanha, além da promessa turca Ünal, que pertence ao Manchester City.

Além da dúvida entre Ünal e De Camargo no comando de ataque, fica restando também saber quem será o armador central, já que Kebano e Buffel devem atuar pelas pontas. O recém-chegado Pozuelo devem disputar posição com os jovens Luka Zsarandia e Siebe Schirjvers, e quem adquirir a titularidade, ficará com a a incumbência de organizar os ataques. Ainda vale a pena destacar na defesa o experiente goleiro Laszlo Köteles, o zagueiro Dewaest, e na frente da zaga, o excelente volante Yoni Buyens.

Com um elenco bem razoável, o Genk pode até tentar competir em bom nível neste grupo H da UEFA Champions League, já que Zenit, Valência e Lyon não são na práticas potências do continente e/ou favoritos ao título, embora sejam, na prática, os maiores candidatos a chegar nas oitavas.


Time-base:

K Racing Club Genk football formation

No Mercado:
Vem: 

Igor De Camargo e Yoni Buyens (Standard Liège)
Enes Ünal (Manchester City)
Neeskens Kebano e Sebastien Dewaest (Charleroi)
Alejandro Pozuelo (Rayo Vallecano)
Leon Bailey (AS Trencin)

Vai:

Jelle Vossen (Burnley)
Nwanganga Kennedy, Benjamin De Ceulaer e Khaleem Hyland (Westerlo)
Jordy Croux e Stef Peeters (MVV Maastricht)
Leandro Trossard (OH Leuven)
Fabien Camus (Troyes)
Sergej Milinkovic Savic (Lazio)
Herve Kage (Kortrijk) e Steve Joseph Monrose (Stade Brest)
Kara Mbodji (Anderlecht)
Sekou Cissé (Sochaux)
Illombe Mboyo (Sion)
Aleksander Cavric (AGF)

Lista de inscritos para a Champions League 2015/2016:
Nem o clube, nem a UEFA informaram ainda, e quando for feito, atualizaremos aqui.



Tecnologia do Blogger.