Guia da Champions League 2015-2016: Arsenal


Guia da Champions League 2015-2016: Arsenal



Nunca o Arsenal conquistou a UEFA Champions League, mesmo sendo frequentador assíduo da fade de grupos, desde a instauração do novo formato, especialmente nos últimos anos. Se o jejum não faz nenhum torcedor ou o técnico Arsene Wenger perderem o sono, cômodo também ele não é. Conquistar a competição nesta temporada não chega a ser uma missão impossível, mas de início, o Arsenal não larga como um dos favoritos.

Contudo, não da para negar que o nível técnico dos Gunners melhorou recentemente, algo que a terceira colocação na Premier League, o bicampeonato consecutivo da FA Cup e a chegada de reforços de nível Mundial, como Mesut Ozil e Alexis Sanchez deixa nítido.



Sanchez é hoje o homem gol que o Arsenal procurava há muito tempo e o jogador capaz de fazer a diferença, mesmo sem ser o centroavante. Já Ozil, é o ponto de equilíbrio da equipe. Se o alemão estiver bem, pode ter certeza que o jogo dos Gunners irá fluir legal. Se ele estiver mal, a situação complica.


O único reforço da última janela foi a chegada de Petr Cech, enfim o goleiro de nível mundial que o Arsenal não tinha há muito tempo. Arsene Wenger pensa cada contratação, e poupa cada centavo se for o caso. Hoje o Arsenal só contrata um jogador se for para resolver o problema da equipe. Um centroavante de ponta parecia na maior carência. Cavani e Benzema foram tentados, mas não houve acerto. Com isto, o comando do ataque deverá ser de Danny Welbeck ou Olivier Giroud  (ou mesmo Walcott como "falso 9"). No meio, Jack Wilshere, Aaron Ramsey e Francis Coquelin vem amadurecendo e crescendo muito de produção. Cazorla, hoje é jogador para qualquer time do Mundo.


Se há alguma preocupação para Wenger, é no sistema defensivo, que ainda apresenta uma certa oscilação, até mesmo física dos atletas. Sofrer menos gols parece algo fundamental para subir ainda mais na tabela. Com um goleiro de Confiança, como Cech, se espera que o conjunto defensivo como um todo cresça.

O Bayern de Munique, velho conhecido do Arsenal, é o favorito para terminar com a primeira colocação da Chave F. Mas, nem o torcedor Runner mais pessimista do Mundo, imagina que a equipe será eliminada em uma chave que ainda conta com o Olímpicos e o Dínamo Zagreb, que mesmo perigosos, estam em um nível abaixo. No mata-mata, escapar das eliminações precoces nas Oitavas de final, é o primeiro objetivo.

Time-base: 
Petr Cech, Debuchy, Mertesacker, Koscielny e Gibbs; Arteta, Ramsey, Özil e Cazorla; Theo Walcott e Alexis Sánchez. Técnico: Arsène Wenger.




No mercado:


Vem: 

Petr Cech (Chelsea)


Vai:

Abou Diaby, Semi Ajayi (Cardiff City)
Ryo Miyaichi (St. Pauli)
Lukas Podolski (Galatasaray)

Lista de inscritos para a Champions League 2015/2016:

Link permanente da imagem incorporada

Tecnologia do Blogger.