Copa dos Campeões 1964-1965: Internazionale Bicampeã

Resultado de imagem para Copa dos Campeões 1965-1966: O Hexacampeonato do Real Madrid

Copa dos Campeões 1964-1965 - Internazionale



Em 1965 a Copa dos Campeões completava 10 anos de existência, e começava a alcançar uma grande maturidade em seu formato. Ao todo, 31 clubes de 30 países diferentes disputaram a competição, com o KR Reykjavík, se tornando o primeiro clube da Islândia a participar da competição. A equipe do país da Escandinávia, no entanto, acabou eliminada logo na primeira eliminatória pelo Liverpool com um 11 a 1 no agregado e duas goleadas. Já o Chipre, presente na edição anterior, não enviou participante.

A atual Campeã Internazionale acabou entrando diretamente nas oitavas de Final da Copa dos Campeões 1964-1965, onde eliminou o Dinamo Bucareste, da Romênia. Nas quartas, deixou o Rangers da Escócia para trás, até encarar o complicado desafio de enfrentar o Liverpool, da Inglaterra nas semifinais. No primeiro jogo, em Anfield Road, Hunt, na época um dos melhores jogadores do planeta, foi o destaque do Liverpool, que venceu por 3 a 1. Mazzola fez o gol da Inter. Na volta, a Internazionale venceu por 3 a 0, com gols de Corso, Peiró e Facchetti, e assegurou a classificação.


A Inter decidiria a Liga dos Campeões contra o Benfica de Eusébio, em um Giuseppe Meazza lotado. Mais uma vez a força do Catenaccio, além da capacidade Física e mental do time de Heleno Herrera apareceria. A equipe venceu por 1 a 0, gol do brasileiro Jair, levantando a taça mais cobiçada da Europa pela segunda vez seguida.








Ficha Técnica:



Final - Copa dos Campeões 1964-1965


Internazionale 1 X 0 Benfica


Escalações:

Internazionale-Benfica 1965-05-27.svg



Gol: Jair (Internazionale)

Local: Giuzeppe Meaza, em Milão, Itália

Árbitro:
Gottfried Dienst (Suíça)
Tecnologia do Blogger.