Últimas notícias

Últimas notícias

Champions League

Liga Europa

História



Champions League 1998-1999: Manchester United 




Sir Alex Ferguson passou 27 anos treinando o Manchester United, e conduzindo o clube de maneira brilhante. Champions League, a Premier League, a FA Cup e o Mundial Interclubes. Se a conquista do inglês veio após uma emocionante disputa com o Arsenal (os Red Devils terminaram a competição com apenas um ponto a mais que os Gunners), a conquista da Champions conseguiu ser ainda mais fantástica. O Mais engraçado é que se o formato da Liga dos Campeões não tivesse mudado seu formato, já que antes apenas campeões nacionais da temporada anterior participavam, o Manchester United não teria disputado a competição em sua temporada 1998-1999, pois não havia vencido a Premier League no ano anterior. 

Falando sobre a Liga dos Campeões de 1998/99, ela viu grandes Clubes do Continente, como Manchester United, Internazionale, Bayern de Munique, PSV Eindhoven e Benfica, passarem pelas fases eliminatórias, para chegarem à fase de grupos da competição. Após superar este obstáculo inicial, o Manchester United encarou na fase de grupos o Barcelona, o Bayern de Munique e o Brondby da Dinamarca.


O primeiro jogo do United foi em Old Traford contra o Barcelona, e terminou com empate em 3 x 3. A igualdade também foi o resultado da partida dos Red Devils contra o Bayern de Munique, só que em 2 x 2. Na sequência, a equipe obteve duas vitórias contra os dinamarqueses do Brondy: 6 x 2 em território nórdico e 5 x 0 em Manchester. No Camp Nou, novamente Manchester United e Barcelona empatariam em 3 x 3. No último jogo da fase de grupos, o empate em 1 x 1 com o Bayern de Munique em Old Trafford deu aos comandados de Ferguson a classificação para as quartas de final, junto com os Bávaros. E mal sabiam os torcedores das duas equipes que os destinos destas duas equipes estavam entrelaçados de uma maneira, que só se separariam após o último minuto da final.



Nas quartas de final, o Bayern eliminou o seu compatriota Bayer Leverkusen, com um  6×0 no placar agregado. O Manchester venceu a Internazionale por 2×0 no jogo de ida em Old Trafford, e empatou em 1 x 1 no Giuzeppe Meaza.


Na semifinal, tivemos dois grandes jogos entre Manchester United e Juventus. Na partida de ida em Old Trafford, Conte abriu o placar para a Veccia Signora. Mas, a Lenda Ryan Giggs empatou para os Red Devils, já nos acréscimos. Na volta em Turim, a Juventus abriu 2 x 0, com dois gols de Pippo Inzagui ainda nos primeiros 15 minutos da Partida. Mas o Manchester United começava a se mostrar o time da virada: Keane aos 24 minutos, Yorke aos 34 e Cole, faltando seis minutos para o fim, viraram a partida, e consequentemente, colocaram o Manchester United na final.



No outro lado do chaveamento, o Bayern de Munique arrancou um empate com o forte Dynamo Kiev de Shevchenko na Ucrânia em 3 x 3, e com um gol de Basler, venceu em Munique pelo placar mínimo, chegando também na decisão.

Champions League 1998-1999 : Manchester United


Um Camp Nou lotado esperava um Jogão entre duas das melhores equipes do Mundo. E não ficou decepcionado, pois quem esteve presente neste jogo, viu uma das mais emocionantes finais da Liga dos Campeões e porque não, da História do Futebol. Logo aos 6 minutos de jogo, Basler abriu o placar para o Bayern, cobrando falta, complicando muito assim a vida dos Red Devils, que já não contavam com Scholes e Keane, dois dos seus melhores jogadores. O Bayern dominou praticamente o jogo inteiro, e quando o Manchester United conseguia atacar, parava no Goleirão alemão Oliver Kahn. Parecia tudo perdido. Somente no finalzinho, os deuses do Futebol apareceram.




Já nos acréscimos, Sheringham empatou o jogo, desviando um chute de Ryan Giggs. Parecia que a partida iria para a prorrogação, mas a emoção ainda não tinha acabado. Ainda nos acréscimos, David Beckham fez um lançamento na área do Bayern de Munique, e após um desvio, Solskjaer tocou para o fundo das redes, marcando o gol da virada e do Bicampeonato europeu do Manchester United.



Man. United 2 x 1 Bayern

Final - Champions League 1998-1999: Manchester United 2 x 1 Bayern de Munique 



Escalações:



Manchester United: Schmeichel, G. Neville, Johnsen, Stam, Irwin, Beckham, Butt, Giggs, Blomqvist (Sheringham), Yorke, A. Cole (Solskjær). Técnico: Alex Ferguson


Bayern de Munique: Kahn, Matthäus (Fink), Babbel, Linke, Kuffour, Tarnat, Effenberg, Jeremies, Baslet (Salihamidzic), Jancker, Zickler (Scholl).Técnico: Ottmaz Hitzfeld


Local: Camp Nou (Barcelona, Espanha)


Árbitro: Pierluigi Collina


Artilheiros desta Edição: Andriy Shevchenko (Dínamo de Kiev) e Dwight Yorke (Manchester United) - 8 gols


«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Post a Comment


Top